???item.export.label??? ???item.export.type.endnote??? ???item.export.type.bibtex???

Please use this identifier to cite or link to this item: http://www.tede2.ufrpe.br:8080/tede2/handle/tede2/6483
Tipo do documento: Tese
Título: Supressividade de um solo a murcha-de-fusário do caupi e influência da doença no rendimento da cultura
Autor: ELOY, Arlinda Pereira 
Primeiro orientador: MICHEREFF, Sami Jorge
Primeiro coorientador: LARANJEIRA, Delson
Segundo coorientador: NASCIMENTO, Clístenes Williams Araújo do
Primeiro membro da banca: REIS, Ailton
Segundo membro da banca: DUDA, Gustavo Pereira
Terceiro membro da banca: MAIA, Leonor Costa
Quarto membro da banca: MARIANO, Rosa de Lima Ramos
Quinto membro da banca: SILVEIRA, Elineide Barbosa da
Resumo: A murcha-de-fusário, causada por Fusarium oxysporum f. sp. tracheiphilum, é responsável por grandes reduções de rendimento na cultura do caupi no Nordeste brasileiro. O trabalho teve como objetivos caracterizar a natureza e a capacidade de transferência de supressividade de um solo à murcha-de-fusário do caupi, analisar a dinâmica populacional de F. oxysporum f. sp tracheiphilum e outros microrganismos em dois solos com diferentes níveis de supressividade, bem como determinar a relação entre a severidade da doença e as reduções no rendimento de sementes de caupi em duas épocas de cultivo. Na análise da natureza e transferência da supressividade foram utilizadas amostras de dois solos, classificados previamente como supressivo (CAC) e conducivo (GOI) à murcha-de-fusário do caupi, nos quais não foram detectadas populações autóctones de F. oxysporum. Quando os solos foram infestados com o patógeno e semeados com as cultivares de caupi BR 17Gurguéia (altamente suscetível) e IPA 206 (moderadamente suscetível), as populações de fungos totais, bactérias totais e Bacillus spp. foram maiores na rizosfera no solo supressivo que no conducivo. A supressividade à doença não foi relacionada com um efeito supressivo sobre a população do patógeno. A esterilização não alterou a capacidade supressiva do solo, indicando sua natureza abiótica, bem como foi comprovada a capacidade de transferência da supressividade para o solo conducivo. Somente no solo supressivo foi constatada influência significativa dos níveis de pH na severidade da murcha-de-fusário, que decresceu proporcionalmente à elevação do pH. A eficiência do inóculo do patógeno foi significativamente inferior no solo supressivo. A análise da relação entre a severidade da doença e as reduções no rendimento de sementes de caupi cultivado em duas épocas, foiconduzida em parcelas artificialmente infestadas com o patógeno, em dois períodos de cultivo, sendo o primeiro plantio realizado em abril de 2002 e o segundo em outubro do mesmo ano. Na fase de colheita de cada época de plantio, foi determinado o rendimento por parcela, representado pelo peso total de sementes por planta. Após a colheita, a severidade da murcha-de-fusário foi avaliada em todas as plantas. Não foram constatadas correlações significativas entre as densidades de inóculo do patógeno detectadas nas parcelas antes do plantio e os níveis de severidade da doença. Nas parcelas não infestadas pelo patógeno, o rendimento no primeiro plantio foi superior ao do segundo plantio, o que pode ter sido conseqüência do estresse hídrico a que as plantas foram submetidas na fase de pré-floração. As reduções no rendimento de sementes foram influenciadas significativamente pelos níveis de severidade da doença. Não foram constatadas diferenças entre os níveis médios de severidade da doença e de perdas de rendimento nos dois períodos de cultivo. A severidade da murcha-de-fusário variou entre 3,2 e 93,3%, enquanto as perdas de rendimento entre 2,2 e 98,1%.
Abstract: The Fusarium wilt, caused by Fusarium oxysporum f. sp. tracheiphilum, reduces cowpea yield in Northeastern Brazil. This work aimed to characterize the nature and ability to transfer cowpea Fusarium wilt suppressiveness of a soil; to analyze populational dynamic of F. oxysporum f. sp. tracheiphilum and others soilborne microorganisms in two soils with different levels of suppressiveness, as well as to determine the relation of disease severity and the reductions of yield in cowpea seeds, in two plant seasons. In the nature and transfer of suppressiveness analyses the two soils samples used were previously classified as suppressive (CAC) and conducive (GOI) to cowpea Fusarium wilt, and did not slown indigenous populations of Fusarium oxysporum. When the samples were infested with the pathogen and sown with BR 17 Gurguéia (highly susceptible) and IPA 206 (moderately susceptible) cowpea cultivars, total populations of both fungi and bacteria, and Bacillus spp. were higherin rhizosphere of the suppressive soil samples than in the conducive ones. The suppressiveness was not related to a suppressive effect on the pathogen population. Soil sterilization did not change the suppressive capability, pointing out its abiotic origin. The ability suppressiveness transfer to a conducive soil was demonstrated only. In the suppressive soil, a significant influence of pH levels on Fusarium wilt severity was verified, which decreased in increasing pH. The inoculum density alone did not determine the severity of Fusarium wilt on plants cultivated in both soils, due to the influence of the efficiency of the inoculum, which was significantly lower in the suppressive soil. Aiming to determine the linkage of disease severity to the reduction of cowpea seed yield, cultivated during two different period of time, an essay was carried out using plots artificially infested with the pathogen. The first planting was made in April 2002, while the second one in October, in thesame year. At the harvest, yield for each plot was determined through the total weight of seed per plant. After harvesting the severity of Fusarium wilt was evaluated in all plants. There was no significant correlation between inoculum densities of the pathogen that was present in the soil before planting and the disease severity. The yield in the first planting period was higher than in the second one, in non-infested plots, what may have been due to the water stress to which the plants were submitted right before the blossom.Differences between the severity average levels and yield losses were not verified for both essays. Fusarium wilt severity ranged between 3.2 and 93.3%, while the yield losses ranged between 2.2 and 98.1%.
Palavras-chave: Murcha-de-fusário
Ecologia do solo
Inóculo
Vigna unguiculata
Área(s) do CNPq: FITOSSANIDADE::FITOPATOLOGIA
Idioma: por
País: Brasil
Instituição: Universidade Federal Rural de Pernambuco
Sigla da instituição: UFRPE
Departamento: Departamento de Agronomia
Programa: Programa de Pós-Graduação em Fitopatologia
Citação: ELOY, Arlinda Pereira. Supressividade de um solo a murcha-de-fusário do caupi e influência da doença no rendimento da cultura. 2003. 71 f. Tese (Programa de Pós-Graduação em Fitopatologia) - Universidade Federal Rural de Pernambuco, Recife.
Tipo de acesso: Acesso Aberto
URI: http://www.tede2.ufrpe.br:8080/tede2/handle/tede2/6483
Data de defesa: 14-Mar-2003
Appears in Collections:Doutorado em Fitopatologia

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
Arlinda Pereira Eloy.pdfDocumento principal527,25 kBAdobe PDFDownload/Open Preview


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.